As saudações no Judô – Termos e significados
Sexta-feira, 7 de Agosto de 2015
Categoria: Informativo
As saudações no Judô – Termos e significados
Seiza – Posição de atenção, ajoelhado

“Shomen ni, rei!” – Em geral é assim que começam os treinos em grande parte dos dojos de judô espalhados pelo mundo. Mas o que significa cada um dos termos ditos durante o início e final das aulas? A ordem e os termos apresentados abaixo não são necessariamente realizados igualmente por todos os dojos do mundo. De acordo com a região, cultura local, formação dos senseis, existem variações na forma como se iniciam e finalizam os treinos. Portanto, se seu dojo não executa como descrito abaixo, não tem problema, é só uma variação cultural.

 

Início do treino

Normalmente, no início do treino, o sensei solicita a todos que alinhem, por oderm de faixa. Em seguida, o sensei ou o mais graduado no momento inicia o procedimento de saudação, conforme abaixo:

  • Kiotsuke ! – Significa “atenção!”. Quando o sensei diz “kiotsuke“, todos devem parar, estar em formação e esperar pela próxima fala do sensei.
  • Shomen ni ! – Significa “virem-se de frente para a parte principal do dojo!”. É algo como “Direita, volver!” utilizada pelos exercitos militares. A parte principal do dojo (shomen) é onde encontra-se ou a bandeira do japão, ou a foto do Sensei Jigoro Kano, ou alguma outra homenagem aos principais mestres e fundadores do judô. A mesma ordem é dada em dojos de outras artes japonesas como o Karatê, então é na área principal do dojo (shomen) em que se encontra a homenagem aos fundadores da arte.
  • Rei ! – Significa “cumprimentem!”. Alguns dojos realizam as saudações ajoelhados (za rei). Outros realizam as saudações em pé (ritsurei).
  • Sensei ni ! – Significa “virem-se para o Sensei!”. Neste momento, todos viram-se de frente para o sensei principal que se encontra no dojo.
  • Rei ! – Novamente, uma ordem para que todos cumprimentem o sensei. Neste momento, por ser o início do treino, os alunos cumprimentam e juntos falam: “onegai shimasu”
  • Onegai Shimasu – É um termo as vezes difícil de traduzir literalmente para o português. Uma tradução próxima seria algo como “Por favor, permita que eu treine e aprenda com você”. É um termo que é carregado de valores como respeito, humildade e honra. Quando isso é dito no dojo pelos alunos, em direção ao sensei principal, significa que o aluno está se colocando na condição de aprendiz, que está aberto para ver, ouvir e prestar atenção em cada detalhe do que é ensinado pois ele reconhece a autoridade e experiência de quem está ensinando, e ele sabe que precisa caminhar muito para chegar neste nível.

As vezes é possível também dizer “onegai shimasu” antes de fazer um randori ou um treino com um colega. Nesse caso, significa “estou disposto a aprender com você com muito respeito, honra e dignidade”. Alguns dizem que o termo “Oss” é uma abreviação de “onegai shimasu“, mas pela forma com que o termo “oss” é utilizado, principalmente no Brasil, isso não parece proceder.

Após o cumprimento ao sensei, a aula inicia-se de acordo com a dinâmica de cada dojo (aquecimento, alongamento, etc).

 

Final do treino

Novamente, ao final do treino, o sensei solicita que todos voltem à formação inicial, e o sensei ou o mais graduado inicia o procedimento para finalizar a aula:

  • Kiotsuke ! – “atenção!”.
  • Mokuso ! – É o comando que significa algo como “meditem!”. Alguns dojos realizam o mokuso no início do treino também. Confira aqui nosso texto sobre o Mokusohttp://www.judoctj.com.br/mokuso-contemplacao-silenciosa/
  • Kiotsuke ! – “atenção!” (novamente, para finalizar o mokuso.
  • Shomen ni ! – “Virem-se de frente para a área principal do dojo!”
  • Rei ! – “Cumprimentem!” – Novamente, pode ser za-rei ou ritsurei.
  • Sensei ni ! – “Virem-se de frente para o Sensei principal presente no dojo”
  • Rei ! – “Cumprimentem!”

E nesta hora, quando cumprimentam o sensei, os alunos cumprimentam e respondem “Arigatou Gozaimashita”.

  • Arigatou Gozaimashita – O termo “arigatou” significa um “obrigado” informal. Mais formalmente, ele pode vir acompanhado de “gozaimasu” ou “gozaimashita”. O que muda é apenas o tempo verbal. “Gozaimasu” é presente e “gozaimashita” é passado. Portanto, “arigatou gozaimashita” significa algo como “muito obrigado pelo que foi feito”. Dentro do contexto do dojo, esse termo é, assim como “onegai shimasu”, um termo carregado de valores. Significa algo como “Sensei, muito obrigado pela oportunidade que me deu de ter treinado e aprendido com você. Sou muito grato por isso.”

Terminado o cumprimento, em geral as pessoas cumprimentam umas as outras, e depois, começa o “Soji no jikan“, ou seja, a hora da limpeza. O momento em que todos os que usaram o dojo para treinar ajudam a varrer e limpar o dojo, para que ele esteja sempre limpo e higienizado. Confira mais sobre o Soji no jikanhttp://www.judoctj.com.br/soji-no-jikan-a-hora-da-limpeza/

Em geral, esta é a sequência de início e término de aula em dojos de artes marciais japonesas como Judô, Karatê, Aikido, Jiu-Jitsu, etc. Com algumas variações culturais, mas o procedimento geral se mantém, independente do lugar do mundo em que você se encontre. Como é no seu dojo?

Fonte: http://www.judoctj.com.br/as-saudacoes-no-judo-termos-e-significados/ 

Apoio

Federação Internacional de Judô

Confederação Brasileira de Judô

Federação de Judô do Mato Grosso do Sul

Instituto Kodokan de Judô

World Judo Day (Dia Mundial do Judô)

Olimpíadas de Londres - 2012

Rua Melvin Jones, 815 - Bairro Jardim América - CEP 79803-010 - Dourados/MS

2010 © SAKURÁ - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: